Acampamento 1.5

Acampamento 1.5

De 6 a 10 de Julho, estivemos no Acampamento 1.5, em Melides, que contou com mais de 140 participantes que levaram a Transição Justa até dentro da refinaria da Galp em Sines, às ruas de Sines e ao terminal de Gás Fóssil! Foram 4 dias de debates, formações, convívio e luta com espaço para todas as idades.

Sabe mais sobre como foi este acampamento aqui:

Próximos passos do movimento

No último dia do Acampamento aprendemos ferramentas essenciais para organização do movimento e debatemos quais os próximos passos do movimento.

Falou-se do movimento contra a desflorestação da Quinta dos Ingleses, da oposição à construção das barragens do Projeto Tejo, do acampamento das Covas do Barroso, do Ende Gelände e as suas ações de solidariedade.

Para além disso há 3 grandes próximos passos para os quais todas foram convidas a envolver-se!

Trabalho e Clima

O caso de estudo “Por uma transição justa em Sines“, lançado pelo Climáximo no Acampamento 1.5, é uma nova ferramenta para espalhar a palavra sobre uma transição justa guiada pela ciência climática, dirigida pela justiça social e liderada pelos trabalhadores e pelas comunidades.

Queres desenvolver trabalho junto das comunidades e trabalhadores? Junta-te ao grupo de trabalho da região de Sines para envolver-te nas actividades. Mais informações, aqui.

Gás é andar para Trás

Na mesma semana que a União Europeia aceita gás fóssil como “verde”, acelerando a crise climática e colocando o lucro acima da nossa vida, o movimento pela justiça climática em Portugal declarou que irá travar a expansão do terminal de GNL e que gás fóssil é para acabar. Neutralidade carbónica em 2030 significa que temos menos de 7 anos para parar de importar gás para Portugal.

Precisamos de ti na linha da frente! Junta-te às ações contra gás fóssil a acontecer ainda este ano e à campanha gás é andar para trás.

Fim ao Fóssil: Ocupa!

No primeiro semestre do ano letivo 2022/2023, a greve climática estudantil de Lisboa convida todas estudantes a ocupar os secundários e universidades de Lisboa pelo fim aos combustíveis fósseis. Entra em contacto connosco e junta-te a nós!

Temos um planeta para salvar!

O tempo de agir é agora. Por 1.5ºC, junta-te à luta.

Leave a Comment

Comments

No comments yet. Why don’t you start the discussion?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.